E-mail : acapitalslz@gmail.com

Pais revoltados denunciam as deploráveis condições estruturais na Escola Municipal UEB Mindinho, localizada no bairro do Maracanã, em São Luís. O desgaste da infraestrutura não apenas compromete a qualidade do ambiente escolar, mas também destaca a falta de comprometimento do prefeito Eduardo Braide com a educação municipal.

A situação caótica na UEB Mindinho atinge níveis críticos, com relatos de que o piso está se soltando desde 22 de dezembro passado. Mesmo diante do alerta urgente dos pais, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) permanece em silêncio, deixando a comunidade escolar à mercê da negligência administrativa.

A gestão do prefeito Eduardo Braide é questionada diante do descaso com a educação pública. A falta de resposta eficaz por parte da SEMED evidencia uma priorização duvidosa, onde as necessidades básicas das escolas e a segurança dos alunos são negligenciadas em prol de outras agendas.

A UEB Mindinho tornou-se um triste reflexo da administração municipal, revelando a falta de investimento e planejamento adequado na educação. O prefeito Eduardo Braide precisa prestar contas à população, explicando por que a infraestrutura das escolas está em frangalhos e por que as demandas urgentes dos pais são ignoradas.

A comunidade escolar merece respeito e atenção imediata, não apenas por parte da SEMED, mas especialmente do prefeito, cuja responsabilidade inclui garantir um ambiente educacional seguro e propício ao aprendizado. Fica evidente que, sem ações concretas e comprometimento real com a educação, a UEB Mindinho continuará sendo um triste exemplo do descaso que assola a rede municipal de ensino sob a gestão de Eduardo Braide.

Compartilhe